31 outubro 2008

FAROESTE CABOCLO - O LIVRO - CAPÍTULO 01

CAPÍTULO 1 - O NASCIMENTO DE JOÃO DE SANTO CRISTO

João Fernando voltava mais uma vez da roça. Havia passado mais um dia capinando a terra, envolto em seu trabalho de limpeza da plantação de milho. O mato não podia crescer naqueles dias. A chuva havia caído há dois dias e ele não podia perder tempo, tinha que aproveitar a estiagem.

João Fernando estava cansado daquela luta. Todos os anos a sua batalha era igual. Trabalhava como um louco, procurando aproveitar as chuvas. Plantava tudo o que pudesse brotar e render boas colheitas naquelas suas terras. Eram uns poucos hectares, herdados de seu pai, e que mantinham o sustento de sua família.

Sua família era apenas sua mulher, grávida de seis meses e necessitando de repouso absoluto, por ser a gravidez de risco. Com isso, todo o trabalho na roça havia sobrado para João Fernando.

Ontem, o prefeito veio visitá-lo. Homem bom aquele. Queria vender dois garrotes para João Fernando. E estava vendendo abaixo do preço que os outros vendiam no mercado.

O restinho do dinheiro que João Fernando tinha do ano anterior, resultado da venda dos seus últimos garrotes para o mesmo prefeito, dava justamente para comprar os dois garrotes.

A sua vaquinha, a que restou, estava dando leite de novo. O bezerrinho estava crescendo bem, já que havia fartura nesta época do ano.

Com certeza iria aproveitar o ótimo preço que o prefeito estava pedindo nos dois garrotes e iria comprá-los.

O prefeito era muito bom mesmo, já que havia comprado os seis garrotes que ele tinha no ano anterior, naquela seca medonha... O prefeito comprou pela metade do preço, claro, porque estavam muito magros. Mas, se o prefeito não tivesse comprado, todos os animais estariam mortos.

O outro partido, a oposição, estava comentando que o prefeito havia mandado os garrotes para o Pará, aproveitando que havia alugado um pasto grande, onde não tinha seca.

Diziam que ele aproveitava as três carretas que tinha para despachar para o Pará todos os garrotes, bois e vacas que comprava. E agora estava vendendo pelo dobro do preço...

Mas a oposição não sabia o que falava. Como podiam falar mal do prefeito?. O prefeito era um anjo enviado do céu. Todo mundo sabia que se ele não comprasse os bois, eles iriam morrer...A seca não perdoava...

Com o dinheiro que ganhou da venda dos seis garrotes, conseguiu comprar ração para a vaca que restou. A mesma que estava prenha e deu cria a um lindo bezerrinho. Comprando os dois garrotes, ficaria com quatro. Dois a menos que no ano anterior, mas era melhor do que nada.

Se Deus ajudasse, a plantação daria lucro suficiente para poder comprar tudo de novo.

Se Deus ajudasse, poderia até comprar mais do que tinha.

Se Deus ajudasse, poderia até fazer estoque de feijão e milho, como havia feito há cinco anos atrás.

Se Deus ajudasse, não mandaria a seca de novo neste ano.

Mas Deus não ajudou. A seca veio novamente destruindo todas as plantações, secando os açudes, acabando com a esperança daqueles pobres agricultores. Houve perda total. Perda das plantações, do gado e, principalmente, da esperança de João Fernando.

Ele teve que vender, desta vez, todos os animais. Não ficou nem mesmo com a vaca.

E justo agora que Joãozinho havia nascido. Antes da hora, aos sete meses, quando sua mãe quase morreu. Mas, graças a Deus, tudo estava estabilizado. A saúde havia sido recuperada, e o menino, mesmo pequenino, estava passando bem.
Mas João Fernando não sabia o que fazer.

Como alimentá-lo? Como alimentar sua família? Estava ficando cada dia mais difícil.

Mesmo com a ajuda que o maravilhoso prefeito estava dando a ele, através da Frente de Trabalho da qual participava, no valor de meio salário mínimo, e com a cesta de alimentos que o maravilhoso prefeito entregava todos os meses em seu comitê, ainda não dava para alimentar sua família.

A oposição continuava falando que não era o prefeito quem dava aquelas coisas. Nem o dinheiro, nem a comida. Como não? Se tudo era entregue pelas mãos dos funcionários da prefeitura, com a presença do prefeito e tudo mais? O prefeito até fazia um discurso no seu carro de som, antes da entrega dos produtos, falando de como ajudava os necessitados...

A oposição continuava igual...

POESIA: SOBREVIVÊNCIA

O sol me cega!
Ultrapassa as lentes escuras de meus óculos
E queima minhas retinas...

Minha roupa não combina:
Muito social para um poeta.
Os sapatos apertam os dedos
O cinto limita a liberdade...

Quero a camiseta branca
A sandália de couro
A cerveja gelada.
Quero a água salgada
O mar
A areia...

Quero o paraíso: ser poeta...

Aqui
Cada passo dado
É em direção a um inferno...

Carros demais
Gente demais
Quente demais...

Prédios altos
Comércio fervilhante
Dinheiro em abundância...

Crise?
Que crise?
Na vinte e cinco de março não se fala em crise...

Aqui não há amor!
Ninguém sorri nos pontos de ônibus
Não existe liberdade em ombros cansados...

Escravidão moderna...

Quem está certo?
Eu, poetizando,
Ou eles, sobrevivendo...?

Aqui?
Eles, claro.
Estou no lugar errado...

Mas, e no paraíso...?

Autor: Jorge Leite de Siqueira

30 outubro 2008

SEMANA DE FÓRMULA UM EM SÃO PAULO

SEMANA DE FÓRMULA UM EM SÃO PAULO


PAULINHO MOSKA - AMORES POSSÍVEIS

Sim, tudo agora está no seu lugar
O Universo até parece conspirar
Para que não seja tudo em vão
Tanto tempo esperando esse amor

Sim, parece até que nada em nós mudou
Tanta coisa a gente inventou
Pra chegar afinal onde sempre eu te quis
Ver chegar

Paixões que eu vivi como se fossem uma
A tua espera sempre foi assim
Contratos feitos com o tempo
Amores são sempre possíveis
Sim... Sim

Sim, tudo agora está no seu lugar
O Universo até parece conspirar
Para que não seja tudo em vão
Tanto tempo esperando esse amor

Sim, parece até que nada em nós mudou
Que Tanta coisa a gente inventou
Pra chegar afinal onde sempre eu te quis
Ver chegar

Paixões que eu vivi como se fossem uma
A tua espera sempre foi assim
Contratos feitos com o tempo
Amores são sempre possíveis
Sim... Sim

Autor/Cantor: Paulinho Moska

22 outubro 2008

SÓ PORQUE SOU POBRE

Olhei as horas no relógio e me assustei!
Horário de verão é fogo!
Não dá pra fazer nada e o tempo já passou...

Estava atrasado para nosso encontro...

Deixei meu carrinho com papelão sob o viaduto
E corri para a Rodoviária.
Entrei no banheiro
Vi que ninguém olhava pra mim
E como quem não quer nada
Pulei a portinha do banheiro que tinha chuveiro...

Abri a ducha
Tomei um banho gostoso
E vesti a mesma roupa...

Antes de ser expulso da Rodoviária
Consegui pentear meus cabelos...

Quer dizer, arrumar, pois não tinha pente...

Passei pelo jardim da praça
Peguei diversas flores
Enquanto o vigilante gritava comigo...

- Dormi na praça... – cantarolei, brincando com ele...

Cheguei a sua casa bastante atrasado...

Você me xingou,
Gritou comigo,
Chamou-me de vagabundo,
E bateu a porta na minha cara...

E falou que eu tava com a roupa suja...

O que eu posso fazer?
Sou muito ocupado...

Pego papelão o dia todo
Levo compras no supermercado, ajudo as senhoras ricas,
Faço favores pra sobreviver
E nem vejo o tempo passar...

Muitas vezes esqueço até de tomar banho...

Esqueci de ir te buscar no serviço
Esqueci de te levar ao cinema
Esqueci de ir jantar contigo no restaurante
Esqueci até de comprar presente no seu aniversário...

Mesmo que eu me lembrasse, de que adiantaria?
Eu não tinha dinheiro mesmo...

Ainda no portão de tua casa
Olho o carro novo na garagem.
Seu pai tem muita grana...

E o cachorro!
Bem cuidado, bonito, pelo lisinho...

Acho que estou no lugar errado...

Dou as costas
Tenho o que fazer
E já estou na esquina quando escuto teu grito:
- Meu amor! Me perdoa! Volta! Eu te amo...

Eu a espero
Abraço-a
E enxugo suas lágrimas...

- Onde fomos nos meter? Que loucura...

Uma semana depois
Tranqüilo, descansando debaixo das árvores, na praça,
Um advogado me procura...

Conversa, explica umas coisas pra mim,
Depois de pedir meus documentos.
Herdei alguns milhões de um tio distante.
Que coisa incrível!
Fiquei milionário...

Depois dos procedimentos de praxe
E uma viagem de uma semana para a Capital
Voltei para minha querida cidade
E a primeira coisa que fiz foi procurar o meu amor...

Casa fechada!
Nada de carro novo.
Nada de cachorro bem cuidado...

Fiquei sabendo, então, da falência de seu pai
E do sumiço que aconteceu logo cedo, há uma semana...

Ninguém sabia me informar para onde você tinha ido...

Desse dia em diante
Todos os dias eu te procurei...

Dia após dia
Em todas as ruas
Em todos os bairros
Em todas as cidades
Em todos os estados
Em todos os países
No planeta inteiro eu procurei por você...

E te encontrei, quando minha fortuna acabou...

Com o carrinho de papelão nas mãos
Andando pelas ruas
Dormindo debaixo do viaduto
Eu te encontrei...

Você dormia na praça
Descansava da vida dura que levava
Agora que era minha concorrente...

Você pegava papelão
Carregava compras no supermercado para senhoras ricas...

Vivia de favores...

Não estava linda como antes
Afinal, o dinheiro embeleza,
Mas a pureza da alma era igual...

Hoje somos felizes
De braços dados
Recolhemos papelão
Juntos
Pelas ruas de São Paulo...

E somos felizes como nunca imaginávamos que poderíamos ser...

Autor: Jorge Leite de Siqueira

ARMANDINHO - CASINHA

Fazer uma casinha no alto do morro
é tudo o que eu pedi pra Jah
Sair dessa cidade soltar o meu cachorro
Fugir da Babilônia (repete)

Aqui eu sou marajá
A natureza é minha luxúria,
Viver de frente pro mar,
Sei que DEUS me ajudará (repete)

Fazer uma casinha no alto do morro
é tudo o que eu pedi pra Jah
Sair dessa cidade soltar o meu cachorro
Fugir da Babilônia (repete)

E quando a noite chegar,
Brisa do oeste soprar,
Sinto a esperança no ar,
Maré cheia ajudará (repete)

A felicidade se encontra
Nas coisas mais simples da terra,
Às vezes a paz de um sorriso
Pode desarmar uma guerra

Aqui to mais perto de DEUS,
Curtindo meu filho brincar,
Cidade vou dizer adeus,
Não sei se eu vou voltar.

Fazer uma casinha no alto do morro
é tudo o que eu pedi pra Jah
Sair dessa cidade soltar o meu cachorro
Fugir da Babilônia (repete)

19 outubro 2008

DOMINGO - TITÃS

Não sei o que fazer
Não sei o que fazer
Eu saio por aí
Sem ter aonde ir

Não é sete de setembro
Nem dia de finados
Não é sexta-feira santa
Nem um outro feriado

E antes que eu esqueça aonde estou
Antes que eu esqueça aonde estou
Aonde estou com a cabeça?

Tudo está fechado
Tudo está fechado
Domingo é sempre assim
E quem não está acostumado?

É dia de descanso
Nem precisava tanto
É dia de descanso
Programa Sílvio Santos

E antes que eu confunda o domingo
Antes que eu confunda o domingo
O domingo com a segunda

Domingo eu quero ver o domingo passar
Domingo eu quero ver o domingo acabar
Domingo eu quero ver o domingo passar
Domingo eu quero ver o domingo acabar

Tudo está fechado
Tudo está fechado
Domingo é sempre assim
E quem nao está acostumado?

É dia de descanso
Nem precisava tanto
É dia de descanso
Programa Sílvio santos

E antes que eu confunda o domingo
Antes que eu confunda o domingo
O domingo com a segunda

Domingo eu quero ver o domingo passar
Domingo eu quero ver o domingo acabar
Domingo eu quero ver o domingo passar
Domingo eu quero ver o domingo acabar
Até o próximo, até o próximo, até o próximo domingo
Até o próximo, até o próximo, até o próximo domingo

Composição: Toni Bellotto e Sérgio Britto

BRASILEIRÃO 2008

RESULTADOS DO FINAL DE SEMANA

18/10/2008 18:20 (sáb) Internacional 2 x 1 Atlético-PR
18/10/2008 18:20 (sáb) Botafogo 0 x 1 Santos
18/10/2008 18:20 (sáb) Figueirense 1 x 1 Ipatinga
19/10/2008 16:00 (dom) Vitória 2 x 2 Fluminense
19/10/2008 16:00 (dom) Palmeiras 2 x 2 São Paulo
19/10/2008 16:00 (dom) Coritiba 1 x 1 Goiás
19/10/2008 16:00 (dom) Atlético-MG 0 x 2 Cruzeiro
19/10/2008 18:10 (dom) Vasco 0 x 1 Flamengo
19/10/2008 18:10 (dom) Sport 2 x 2 Náutico
19/10/2008 18:10 (dom) Portuguesa 2 x 0 Grêmio

CLASSIFICAÇÃO

1 Grêmio 56 pontos
2 Cruzeiro 55 pontos
3 Palmeiras 55 pontos
4 São Paulo 53 pontos
5 Flamengo 52 pontos
6 Botafogo 46 pontos
7 Internacional 46 pontos
8 Coritiba 46 pontos
9 Goiás 45 pontos
10 Vitória 44 pontos
11 Sport 41 pontos
12 Atlético-MG 37 pontos
13 Santos 36 pontos
14 Figueirense 34 pontos
15 Náutico 31 pontos
16 Portuguesa 31 pontos
17 Fluminense 31 pontos
18 Atlético-PR 28 pontos
19 Ipatinga 28 pontos
20 Vasco 27 pontos

PRÓXIMA RODADA

22/10/2008 22:00 (qua) Goiás x Vasco
23/10/2008 20:30 (qui) São Paulo x Vitória
23/10/2008 20:30 (qui) Grêmio x Sport
23/10/2008 20:30 (qui) Flamengo x Coritiba
25/10/2008 16:00 (sáb) Ipatinga x Botafogo
25/10/2008 16:00 (sáb) Fluminense x Palmeiras
25/10/2008 18:20 (sáb) Náutico x Portuguesa
25/10/2008 18:20 (sáb) Atlético-PR x Cruzeiro
25/10/2008 18:20 (sáb) Santos x Figueirense
25/10/2008 18:20 (sáb) Atlético-MG x Internacional

17 outubro 2008

CONSELHOS SOCIAIS DE UM POETA ANDARILHO

Evite restaurantes metidos a besta.

Jante em estabelecimentos onde os clientes e os empregados pareçam felizes. O entusiasmo contagiante geral será bom para você. Você precisa ser energizado, e não desmoralizado pelo restaurante.

16 outubro 2008

CONSELHOS SOCIAIS DE UM POETA ANDARILHO

Aprenda a viver um dia de cada vez e terá aprendido o segredo de viver feliz para sempre.

MARISA MONTE - NÃO É FÁCIL

Não é fácil, não pensar em você
Não é fácil, é estranho
Não te contar meus planos, não te encontrar
Todo dia de manhã enquanto eu tomo o meu café amargo
É, ainda boto fé de um dia te ter ao meu lado
Na verdade, eu preciso aprender
Não é fácil, não é fácil

Onde você anda, onde está você?
Toda a vez que eu saio me preparo para talvez te ver
Na verdade eu preciso esquecer
Não é fácil, não é fácil

Todo dia de manhã enquanto eu tomo o meu café amargo
É, ainda boto fé de um dia te ter ao meu lado
O que eu faço? O que eu posso fazer?
Não é fácil, não é fácil

Se você quisesse ia ser tão legal
Acho que eu seria mais feliz do que qualquer mortal
Na verdade não consigo esquecer
Não é fácil, é estranho

CONSELHOS SOCIAIS DE UM POETA ANDARILHO

Adote uma postura zen.

Tente gostar de tudo que faz, por mais chato que possa parecer. entregue-se ao que faz quando começar a fazer. Não esqueça de que escolheu a tarefa e que poderá sempre decidir não levá-la até o fim.

15 outubro 2008

CONSELHOS SOCIAIS DE UM POETA ANDARILHO

Você é responsável pelo seu tédio.

Enfrente-o quando ele surgir! A disposição de assumir responsabilidade pelo tédio é a força criativa que irá eliminá-lo.

GUILHERME ARANTES

COTIDIANO

ARNALDO ANTUNES - PEDIDO DE CASAMENTO

Eu sei que a gente ia ser feliz juntinho
Pra todo dia dividir carinho
Tenho certeza de que daria certo
Eu e você, você e eu por perto

Eu só queria ter o nosso cantinho
Meu corpo junto ao seu mais um pouquinho
Tenho certeza de que daria certo
Nós dois sozinhos num lugar deserto

Se você não quiser
Me viro como der
Mas se quiser me diga, por favor
Pois se você quiser
Me viro como for
Para que seja bom como já é

Eu sei que eu ia te fazer feliz
Dos pés até a ponta do nariz
Da beira da orelha ao fim do mundo
Sugando o sangue de cada segundo

Te dou um filho, te componho um hino
O que você quiser saber eu ensino
Te dou amor enquanto eu te amar
Prometo te deixar quando acabar

Se você não quiser
Me viro como der
Mas se quiser me diga, meu amor
Pois se você quiser
Me viro como for
Para que seja bom como já é

ARNALDO ANTUNES - PEDIDO DE CASAMENTO

Eu sei que a gente ia ser feliz juntinho
Pra todo dia dividir carinho
Tenho certeza de que daria certo
Eu e você, você e eu por perto

Eu só queria ter o nosso cantinho
Meu corpo junto ao seu mais um pouquinho
Tenho certeza de que daria certo
Nós dois sozinhos num lugar deserto

Se você não quiser
Me viro como der
Mas se quiser me diga, por favor
Pois se você quiser
Me viro como for
Para que seja bom como já é

Eu sei que eu ia te fazer feliz
Dos pés até a ponta do nariz
Da beira da orelha ao fim do mundo
Sugando o sangue de cada segundo

Te dou um filho, te componho um hino
O que você quiser saber eu ensino
Te dou amor enquanto eu te amar
Prometo te deixar quando acabar

Se você não quiser
Me viro como der
Mas se quiser me diga, meu amor
Pois se você quiser
Me viro como for
Para que seja bom como já é

FILOSOFIA

Um professor de filosofia parou na frente da classe e sem dizer uma palavra, pegou um vidro de maionese vazio e encheu com pedras de uns 2 cm de diâmetro. Então perguntou aos alunos se o vidro estava cheio.

Eles concordaram que estava.

Então o professor pegou uma caixa com pedregulhos bem pequenos, jogou-os dentro do vidro agitando-o levemente. Os pedregulhos rolaram para os espaços entre as pedras. Ele então perguntou novamente se o vidro estava cheio.

Os alunos concordaram: agora sim, estava cheio!

Então o professor pegou uma caixa com areia e despejou-a dentro do vidro preenchendo o restante.

- Agora - disse o Professor -, eu quero que vocês entendam que isto simboliza a sua vida.

- As pedras são as coisas importantes: sua família, seus amigos, sua saúde, seus filhos, coisas que preenchem a sua vida.

- Os pedregulhos são as outras coisas que importam: o seu emprego, sua casa, seu carro.

- A areia representa o resto: as coisas pequenas.

- Se vocês colocarem a areia primeiro no vidro, não haverá mais espaço para os pedregulhos e as pedras. O mesmo vale para a sua vida. Cuidem das pedras primeiro. Das coisas que realmente importam. Estabeleçam suas prioridades. O resto é só areia!

Mas então, um aluno pegou o vidro que todos concordaram que estava cheio e perguntou novamente se o vidro estava cheio.

Os alunos concordaram: agora sim, estava cheio!

Então ele derramou um copo de cerveja dentro do vidro. Claro, a areia ficou ensopada fazendo com que o copo desta vez ficasse realmente cheio.

Então disse:

- Não importa o quanto sua vida esteja cheia de coisas e problemas, sempre sobra espaço para uma cervejinha...

SONHOS E REALIDADE





FESTA DE ZÉ DANTAS EM CARNAÍBA (PE)

Eu tava na primeira...

CONSELHOS SOCIAIS DE UM POETA ANDARILHO

Deixe de colecionar coisas apenas para tê-las. Você precisa mesmo de mais um aparelho de jantar, de mais conjuntos de toalhas, de mais jogos de roupas de cama, de mais utensílios de cozinha, de mais ferramentas para o carro?

14 outubro 2008

MEDO OU DESEJO?

MIEDO - LENINE E JULIETA VENEGAS

Tienen miedo del amor y no saber amar
Tienen miedo de la sombra y miedo de la luz
Tienen miedo de pedir y miedo de callar
Miedo que da miedo del miedo que da

Tienen miedo de subir y miedo de bajar
Tienen miedo de la noche y miedo del azul
Tienen miedo de escupir y miedo de aguantar
Miedo que da miedo del miedo que da

El miedo es una sombra que el temor no esquiva
El miedo es una trampa que atrapó al amor
El miedo es la palanca que apagó la vida
El miedo es una grieta que agrandó el dolor

Tenho medo de gente e de solidão
Tenho medo da vida e medo de morrer
Tenho medo de ficar e medo de escapulir
Medo que dá medo do medo que dá

Tenho medo de acender e medo de apagar
Tenho medo de esperar e medo de partir
Tenho medo de correr e medo de cair
Medo que dá medo do medo que dá

O medo é uma linha que separa o mundo
O medo é uma casa aonde ninguém vai
O medo é como um laço que se aperta em nós
O medo é uma força que não me deixa andar

Tienen miedo de reir y miedo de llorar
Tienen miedo de encontrarse y miedo de no ser
Tienen miedo de decir y miedo de escuchar
Miedo que da miedo del miedo que da

Tenho medo de parar e medo de avançar
Tenho medo de amarrar e medo de quebrar
Tenho medo de exigir e medo de deixar
Medo que dá medo do medo que dá

O medo é uma sombra que o temor não desvia
O medo é uma armadilha que pegou o amor
O medo é uma chave, que apagou a vida
O medo é uma brecha que fez crescer a dor

El miedo es una raya que separa el mundo
El miedo es una casa donde nadie va
El miedo es como un lazo que se apierta en nudo
El miedo es una fuerza que me impide andar

Medo de olhar no fundo
Medo de dobrar a esquina
Medo de ficar no escuro
De passar em branco, de cruzar a linha
Medo de se achar sozinho
De perder a rédea, a pose e o prumo
Medo de pedir arrego, medo de vagar sem rumo

Medo estampado na cara ou escondido no porão
O medo circulando nas veias
Ou em rota de colisão
O medo é do Deus ou do demo
É ordem ou é confusão
O medo é medonho, o medo domina
O medo é a medida da indecisão

Medo de fechar a cara
Medo de encarar
Medo de calar a boca
Medo de escutar
Medo de passar a perna
Medo de cair
Medo de fazer de conta
Medo de dormir
Medo de se arrepender
Medo de deixar por fazer
Medo de se amargurar pelo que não se fez
Medo de perder a vez

Medo de fugir da raia na hora H
Medo de morrer na praia depois de beber o mar
Medo... que dá medo do medo que dá
Medo... que dá medo do medo que dá

Composição: Pedro Guerra/Lenine/Robney Assis

DEU NO JORNAL: MACONHA

Notícia 1
Homem tenta pagar com maconha pedido feito no McDonald's

Um homem tentou pagar com maconha um pedido feito em um McDonald's da Flórida, nos Estados Unidos, informou nesta segunda-feira (13) a edição digital do jornal "Sun-Sentinel".

Shawn Alexander Pannullo, de 27 anos, pediu comida no McDonald's de Vero Beach, no centro do estado, na madrugada de segunda-feira, e quis que o caixa aceitasse a droga como pagamento, segundo o relatório policial.

O caixa ligou para o serviço de emergência 911 para notificar o ocorrido e forneceu uma descrição do veículo dirigido por Pannullo. Com esta informação, um agente policial localizou o automóvel e, após inspecioná-lo, descobriu a maconha.

Pannullo enfrenta uma acusação de posse de maconha e foi obrigado a pagar US$ 500 de fiança para ser solto. O relatório policial, de acordo com o "Sun-Sentinel", não especificou o pedido do acusado, nem se esse depois pagou-o com dinheiro.

-------------------------------
Notícia 2
Aluna dá bolo recheado com maconha a funcionários de escola

Dois assistentes do colégio Wortley High School, em Leeds (Inglaterra), disseram ter enfrentado tontura e dores de cabeça após comerem um bolo oferecido por uma aluna. Eles foram levados para o hospital e informados de que os sintomas estavam associados ao consumo de maconha, o que levou à suspensão da jovem de 15 anos.

Segundo a versão on-line do jornal “Telegraph”, a aluna foi obrigada a mudar de escola depois do incidente, registrado no mês passado. Os assistentes foram dispensados do trabalho por um dia e alertados a não aceitarem comida oferecida por alunos.

“Depois de uma investigação, a garota foi transferida. Trabalhamos muito duro para educar os alunos sobre os perigos e implicações do consumo de drogas. Não vamos tolerar um comportamento desse tipo”, disse um porta-voz da instituição de ensino, segundo a publicação. Os assistentes não deram queixa na polícia.

-------------------------------
Notícia 3
Polícia acha maconha escondida em jardim de homem de 73 anos

Um aposentado de 73 anos se disse surpreso quando foi informado pela polícia de Haia, na Holanda, que, por trás de seu jardim de begônias, havia uma plantação secreta de maconha.

"Passando pelo local, os policiais perceberam que havia plantas de cannabis crescendo por trás das flores de begônia", afirmou o porta-voz da polícia de Haia, capital administrativa da Holanda.

As plantas, que teriam sido plantadas por jovens não-identificados, foram destruídas. O jardineiro de 73 anos, de acordo com os policiais, não é considerado suspeito, e colaborou com as investigações.

Na Holanda, plantar maconha é ilegal, mas a venda da erva para fumo ou derivados é tolerada nas chamadas coffee shops.

-------------------------------
Notícia 4
Aluno aproveita aula prática de botânica para plantar maconha

A polícia dos Estados Unidos está tentando descobrir quem foi o aluno que aproveitou as aulas práticas de botânica na faculdade para plantar maconha.

Os professores da faculdade Matthaei Botanical Gardens, em Michigan, mandaram os alunos fazer um trabalho plantando ervas e vegetais que dessem uma vez por ano ou que fossem perenes.

Segundo a polícia, um funcionário da escola encontrou plantas estranhas sobre uma mesa quando monitorava o projeto dos alunos.

O jornal "Ann Arbor News" publicou que 11 pequenas plantas suspeitas de serem maconha foram apreendidas da estufa da faculdade.

As ervas estavam misturadas ao projeto, no qual estão envolvidos cerca de 80 alunos. Amostras foram enviados à polícia para testes.

11 outubro 2008

BRASILEIRÃO 2008

JOGOS DESTA SEMANA

08/10/2008 22:00 (qua) Figueirense 0 X 0 Palmeiras
08/10/2008 22:00 (qua) Grêmio 2 X 0 Santos
08/10/2008 22:00 (qua) Sport 2 X 2 Vasco
09/10/2008 20:30 (qui) Cruzeiro 1 X 0 Ipatinga
09/10/2008 20:30 (qui) São Paulo 1 X 0 Náutico
09/10/2008 20:30 (qui) Botafogo 3 X 1 Vitória
11/10/2008 18:20 (sáb) Atlético-PR 1 X 3 Fluminense
11/10/2008 18:20 (sáb) Flamengo 0 X 3 Atlético-MG
11/10/2008 18:20 (sáb) Portuguesa 0 X 0 Coritiba
11/10/2008 18:20 (sáb) Goiás 1 X 1 Internacional

CLASSIFICAÇÃO

1 Grêmio.................56 pontos
2 Palmeiras..............54 pontos
3 Cruzeiro...............52 pontos
4 São Paulo..............52 pontos
5 Flamengo...............49 pontos
6 Botafogo...............46 pontos
7 Coritiba...............45 pontos
8 Goiás..................44 pontos
9 Vitória................43 pontos
10 Internacional.........43 pontos
11 Sport.................40 pontos
12 Atlético-MG...........37 pontos
13 Santos................33 pontos
14 Figueirense...........33 pontos
15 Náutico...............30 pontos
16 Fluminense............30 pontos
17 Atlético-PR...........28 pontos
18 Portuguesa............28 pontos
19 Vasco.................27 pontos
20 Ipatinga..............27 pontos

PRÓXIMOS JOGOS

18/10/2008 18:20 (sáb) Internacional X Atlético-PR Beira-Rio
18/10/2008 18:20 (sáb) Botafogo X Santos João Havelange
18/10/2008 18:20 (sáb) Figueirense X Ipatinga Orlando Scarpelli
19/10/2008 16:00 (dom) Vitória X Fluminense Barradão
19/10/2008 16:00 (dom) Palmeiras X São Paulo Palestra Itália
19/10/2008 16:00 (dom) Coritiba X Goiás Couto Pereira
19/10/2008 16:00 (dom) Atlético-MG X Cruzeiro Mineirão
19/10/2008 18:10 (dom) Vasco X Flamengo Maracanã
19/10/2008 18:10 (dom) Sport X Náutico Ilha do Retiro
19/10/2008 18:10 (dom) Portuguesa X Grêmio Canindé

RENATO RUSSO

RENATO RUSSO

RENATO RUSSO

RENATO RUSSO

RENATO RUSSO

GUILHERME ARANTES

RENATO RUSSO


RENATO RUSSO

Renato Russo morreu à 1h15min, no dia 11 de outubro de 1996.

RENATO RUSSO







RENATO RUSSO

RENATO RUSSO

RENATO RUSSO

Renato Russo morreu à 1h15min, no dia 11 de outubro de 1996.

RENATO RUSSO

RENATO RUSSO

Renato Russo morreu à 1h15min, no dia 11 de outubro de 1996.

RENATO RUSSO E HERBERT VIANA

RENATO RUSSO - ENTREVISTA

POR TODA MINHA VIDA - RENATO RUSSO









POR TODA MINHA VIDA - RENATO RUSSO









RENATO RUSSO

RENATO RUSSO

10 outubro 2008

FELICIDADE

PURO INTERESSE

Minha gata se aproxima
Ronrona aos meus pés
Olhos fixos nos meus...

Carente...

Roça em minhas pernas
Mia afetuosamente.
Eu me comovo
E dou um pedaço de carne
Um bocado de pão
Um afago nas costas...

Ela enche a barriga e se vai...

Deita-se no quintal
Onde bate um sol bem quentinho
Nesta manhã tão gelada...

Vou até ela
Tento fazer um carinho
Quero sua atenção...

Ela não me quer mais.
Agora está saciada...

Mostra dentes
Exibe garras
E se vai para longe de mim...

Era mentira!
Ela me enganou.
Era puro interesse...

Ainda bem que nós,
Seres humanos,
Racionais
Não somos assim...

Ou somos?

Autor: Jorge Leite de Siqueira

09 outubro 2008

AMOR PRA RECOMEÇAR - FREJAT

Eu te desejo
Não parar tão cedo
Pois toda idade tem
Prazer e medo...

E com os que erram
Feio e bastante
Que você consiga
Ser tolerante...

Quando você ficar triste
Que seja por um dia
E não o ano inteiro
E que você descubra
Que rir é bom
Mas que rir de tudo
É desespero...

Desejo!
Que você tenha a quem amar
E quando estiver bem cansado
Ainda, exista amor
Prá recomeçar
Prá recomeçar...

Eu te desejo muitos amigos
Mas que em um
Você possa confiar
E que tenha até
Inimigos
Prá você não deixar
De duvidar...

Quando você ficar triste
Que seja por um dia
E não o ano inteiro
E que você descubra
Que rir é bom
Mas que rir de tudo
É desespero...

Desejo!
Que você tenha a quem amar
E quando estiver bem cansado
Ainda, exista amor
Prá recomeçar
Prá recomeçar...

Eu desejo!
Que você ganhe dinheiro
Pois é preciso
Viver também
E que você diga a ele
Pelo menos uma vez
Quem é mesmo
O dono de quem...

Desejo!
Que você tenha a quem amar
E quando estiver bem cansado
Ainda, exista amor
Prá recomeçar...

Eu desejo!
Que você tenha a quem amar
E quando estiver bem cansado
Ainda, exista amor
Prá recomeçar
Prá recomeçar
Prá recomeçar...

Composição: Frejat/Mauricio Barros/Mauro Sta. Cecília

08 outubro 2008

GUILHERME ARANTES

QUANDO COMEÇA O HORÁRIO DE VERÃO 2008/2009?

Vem ai mais uma edição do horário de verão. Querido por uns e odiado por outros, o adiantamentoo de uma hora nos relógios acaba dando outra vida para nossa cidade, com praias cheias e mais pessoas passeando após o horário de trabalho.

O horário de verão começa no primeiro minuto do dia 19 de outubro nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e vai até o dia 15 de fevereiro de 2009, um pouco antes do carnaval que começa dia 21. O objetivo é uma redução de cerca de 5% no consumo de energia elétrica do país.

Justamente no período em que mais se consome energia com aparelhos de refrigeração e ar-condicionado.

Houve um economia de aproximadamente R$10 milhões na edição do ano passado.

QUANDO COMEÇA O HORÁRIO DE VERÃO 2008/2009?

Vem ai mais uma edição do horário de verão. Querido por uns e odiado por outros, o adiantamentoo de uma hora nos relógios acaba dando outra vida para nossa cidade, com praias cheias e mais pessoas passeando após o horário de trabalho.

O horário de verão começa no primeiro minuto do dia 19 de outubro nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e vai até o dia 15 de fevereiro de 2009, um pouco antes de carnaval que começa dia 21. O objetivo é uma redução de cerca de 5% no consumo de energia elétrica do país.

Justamente no período em que mais se conseme energia com aparelhos de refrigeração e ar-condicionado, houve um economia de aproximadamente R$10 milhões na edição do ano passado.

O COTIDIANO DE SEU JORGE

EU APENAS QUERIA QUE VOCÊ SOUBESSE


Eu apenas queria que você soubesse
Que aquela alegria ainda está comigo
E que a minha ternura não ficou na estrada
Não ficou no tempo presa na poeira

Eu apenas queria que você soubesse
Que esta menina hoje é uma mulher
E que esta mulher é uma menina
Que colheu seu fruto flor do seu carinho

Eu apenas queria dizer a todo mundo que me gosta
Que hoje eu me gosto muito mais
Porque me entendo muito mais também

E que a atitude de recomeçar é todo dia toda hora
É se respeitar na sua força e fé
E se olhar bem fundo até o dedão do pé

Eu apenas queira que você soubesse
Que essa criança brinca nesta roda
E não teme o corte de novas feridas
Pois tem a saúde que aprendeu com a vida

Eu apenas queria que você soubesse
Que aquela alegria ainda está comigo
E que a minha ternura não ficou na estrada
Não ficou no tempo presa na poeira

Eu apenas queria que você soubesse
Que esta menina hoje é uma mulher
E que esta mulher é uma menina
Que colheu seu fruto flor do seu carinho

Eu apenas queria dizer a todo mundo que me gosta
Que hoje eu me gosto muito mais
Porque me entendo muito mais também

Composição: Gonzaguinha

EU APENAS QUERIA QUE VOCÊ SOUBESSE

Eu apenas queria que você soubesse
Que aquela alegria ainda está comigo
E que a minha ternura não ficou na estrada
Não ficou no tempo presa na poeira

Eu apenas queria que você soubesse
Que esta menina hoje é uma mulher
E que esta mulher é uma menina
Que colheu seu fruto flor do seu carinho

Eu apenas queria dizer a todo mundo que me gosta
Que hoje eu me gosto muito mais
Porque me entendo muito mais também

E que a atitude de recomeçar é todo dia toda hora
É se respeitar na sua força e fé
E se olhar bem fundo até o dedão do pé

Eu apenas queira que você soubesse
Que essa criança brinca nesta roda
E não teme o corte de novas feridas
Pois tem a saúde que aprendeu com a vida

Eu apenas queria que você soubesse
Que aquela alegria ainda está comigo
E que a minha ternura não ficou na estrada
Não ficou no tempo presa na poeira

Eu apenas queria que você soubesse
Que esta menina hoje é uma mulher
E que esta mulher é uma menina
Que colheu seu fruto flor do seu carinho

Eu apenas queria dizer a todo mundo que me gosta
Que hoje eu me gosto muito mais
Porque me entendo muito mais também

Composição: Gonzaguinha

PREOCUPAÇÕES DO DIA: CADÊ O FMI?

'Cadê o FMI agora?', diz Lula sobre crise financeira

Presidente critica falta de atuação do Fundo na turbulência e volta a dizer que crise não chega ao País

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou nesta terça-feira, 7, o Fundo Monetário Internacional (FMI) pela falta de atuação na crise internacional.

"Quando era o Brasil ou a Argentina que apresentava uma crise, o FMI sempre dava palpite e ditava o que fazer ou não fazer. Cadê o FMI agora?", indagou.

Lula ressaltou que se a turbulência chegar ao Brasil, "chega mais leve" e voltou a negar a existência de um pacote anticrise no País.

Em discurso a uma platéia de cerca de três mil trabalhadores metalúrgicos em Angra dos Reis, Lula garantiu que a crise econômica mundial não chega ao Brasil. "Esta é a primeira vez que um governo não precisa explicar ao povo que a crise é internacional e não local. Todos estão cansados de ouvir isso. Mas muitos acham que é prepotência minha dizer que esta crise não chega ao Brasil. Digo e insisto: se chegar, chega mais leve, mesmo que haja quem esteja torcendo para ela chegar logo e causar estragos", disse.

Inspirado por parábolas e por frases chavões, Lula abusou da retórica para cravar ao público local:

"Todo mundo sabe que o que está acontecendo se deve a especulação financeira que começou nos Estados Unidos. Eles brincaram com a economia mundial e na hora que a porca entorta o rabo, sobra pra nós", disse, para lembrar em seguida que "desta vez será diferente", por que o País fez como "na história da cigarra e da formiga: enquanto eles cantavam, a gente trabalhava".

A citação foi feita com relação ao fato de o Brasil ter conseguido quitar sua dívida internacional e hoje estar endividado apenas em real e não mais em dólar.

"A crise americana é muito profunda. talvez seja a maior crise nos últimos 50 anos. Só teve igual a esta em 1929. E ela está chegando na Europa. porque os bancos europeus participaram do cassino imobiliário dos Estados Unidos", disse o presidente, lembrando que nas crises do México, Ásia e Rússia, os "rombos" da economia mundial foram bem menores, em torno de US$ 50 bilhões e o Brasil "quase quebra". "Mas esta, nos Estados Unidos, enquanto o rombo já é de US$ 1 trilhão só lá dentro. A mágoa deles e de alguns aqui dentro é de que o Brasil não quebrou. Eu não estou dizendo que não teremos dificuldades, mas que até agora estamos em pé".

Andando de um lado para o outro, em cima de um palanque montado em meio ao estaleiro Brasfels, onde foi batizada a plataforma P-51 da Petrobras, Lula afirmou ainda que tanto os Estados Unidos quanto a Europa, "fingiram que não tem crise". "Eles são iguais aquelas pessoas que não gostam de pobre. Vão para a reunião do G8, querem falar da Amazônia, mas não falam de crise".

Pacote

O presidente foi bastante enfático ao afirmar que a atual crise não deverá motivar a formação de um pacote econômico no País. "Não haverá nenhum pacote econômico", disse. Ele ainda reiterou que "todas as vezes em que houve um pacote econômico no Brasil, o trabalhador é que foi prejudicado."

O presidente ressaltou que foram tomadas medidas econômicas de apoio aos bancos pequenos e aos exportadores. "Cada medida será tomada conforme ela for exigida no dia-a-dia", disse. Falando em tom paternal aos presentes, Lula acusou os Estados Unidos de terem feito a "farra do boi" com o dinheiro público. "O trabalhador sabe que se fizer a farra do boi com seu salário, quem vai pagar é o seu filho. E a gente não deve governar um país, mas cuidar de um país, como se cuida de uma família, sabendo que quem vai sofrer as conseqüências são os nossos filhos", disse.

Ele destacou que espera que o "pacote americano ajude a resolver o problema deles". "Mas pelo amor de Deus, agora que deixamos de comer o pão que o diabo amassou e começamos a comer um pãozinho com mortadela, eles que não venham querer se socializar com a gente. Este tipo de socialismo não queremos. Queremos socializar a bonança e não a miséria."

Ainda falando sobre a crise, o presidente defendeu à platéia que é preciso que "ninguém se abale com a crise". "É preciso que cada um de nós acredite que o País se encontrou com seu destino e não há nada no mundo que vai fazer com que reapareçam o desemprego, a miséria e o abandono. A crise gera especulação, gera desconfiança e depois cidadão fala que não vai gastar seu dinheiro e vai guardar. Peço a vocês que não façam isso, e continuem fazendo a mesma coisa que estavam fazendo."

Fonte: O Estado de São Paulo

07 outubro 2008

MULHER

O BÊBADO E A EQUILIBRISTA

Caía a tarde feito um viaduto
E um bêbado trajando luto
Me lembrou Carlitos...

A lua
Tal qual a dona do bordel
Pedia a cada estrela fria
Um brilho de aluguel

E nuvens!
Lá no mata-borrão do céu
Chupavam manchas torturadas
Que sufoco!
Louco!
O bêbado com chapéu-coco
Fazia irreverências mil
Prá noite do Brasil.
Meu Brasil!...

Que sonha com a volta
Do irmão do Henfil.
Com tanta gente que partiu
Num rabo de foguete
Chora!
A nossa Pátria
Mãe gentil
Choram Marias
E Clarisses
No solo do Brasil...

Mas sei, que uma dor
Assim pungente
Não há de ser inutilmente
A esperança...

Dança na corda bamba
De sombrinha
E em cada passo
Dessa linha
Pode se machucar...

Asas!
A esperança equilibrista
Sabe que o show
De todo artista
Tem que continuar...

Voz: Elis Regina
Composição: João Bosco e Aldir blanc

DIÁRIO POÉTICO DE UM ANDARILHO

UTOPIA


VIRTUAL, REAL, FANTASIA

Sou palavras
Um texto,
Uma poesia,
Uma foto
Sem movimento
Numa Internet longínqua...

Você escuta minha voz
Vê um vídeo
Percebe que existo
Além das palavras...

O sentimento confunde...

O sonho
Liga
O real e o virtual...

O sonho
Liga
Eu e você...

Real e virtual...

Olhos reais
Desvendam o virtual
Desmistificam as palavras
Transformam o virtual em fantasia...

Real.
Sabores que inebriam
Aromas que enriquecem
Toques que excitam
Visões que incomodam
Sons que tocam a alma...

Sentimentos reais
Num mundo virtual
Criando a fantasia...

Autor: Jorge Leite de Siqueira

HORÓSCOPO

Sol na casa 10, lua na casa 1

DE: 07/10 , 15h09
ATÉ: 09/10 , 18h28

Eis que, entre os dias 07/10 e 09/10, a Lua entra em seu quarto-crescente.

O conflito aqui envolve carreira versus anseios pessoais.

É bem provável que você, Jorge, venha a perceber de uma maneira bastante clara todas as coisas que lhe incomodam em seu trabalho ou estudos. A idéia do momento envolve a percepção da defasagem entre o ideal e o real.

Há também um choque entre quem você é de verdade e aquilo que a sociedade exige que você seja.

Como a fase envolve um conflito, é bem provável que você sinta suas energias vitais em baixa, portanto não é recomendado que você abuse nestes dias, se alimente direito e durma bem, caso contrário pode sentir fraqueza e alterações fortes de humor.

Mapa Astral? Horóscopo? Misticismo em geral? Acesse:
http://www.personare.com.br/

E acredite se quiser!!!

06 outubro 2008

BEIJA-FLOR

ELEIÇÕES - SANTA BARBARA D OESTE (SP) - RESULTADO FINAL

GENI E O ZEPPELIN

De tudo que é nego torto
Do mangue e do cais do porto
Ela já foi namorada
O seu corpo é dos errantes
Dos cegos, dos retirantes
É de quem não tem mais nada
Dá-se assim desde menina
Na garagem, na cantina
Atrás do tanque, no mato
É a rainha dos detentos
Das loucas, dos lazarentos
Dos moleques do internato
E também vai amiúde
Com os velhinhos sem saúde
E as viúvas sem porvir
Ela é um poço de bondade
E é por isso que a cidade
Vive sempre a repetir

Joga pedra na Geni
Joga pedra na Geni
Ela é feita pra apanhar
Ela é boa de cuspir
Ela dá pra qualquer um
Maldita Geni

Um dia surgiu, brilhante
Entre as nuvens, flutuante
Um enorme zepelim
Pairou sobre os edifícios
Abriu dois mil orifícios
Com dois mil canhões assim
A cidade apavorada
Se quedou paralisada
Pronta pra virar geléia
Mas do zepelim gigante
Desceu o seu comandante
Dizendo - Mudei de idéia
- Quando vi nesta cidade
- Tanto horror e iniqüidade
- Resolvi tudo explodir
- Mas posso evitar o drama
- Se aquela formosa dama
- Esta noite me servir

Essa dama era Geni
Mas não pode ser Geni
Ela é feita pra apanhar
Ela é boa de cuspir
Ela dá pra qualquer um
Maldita Geni

Mas de fato, logo ela
Tão coitada e tão singela
Cativara o forasteiro
O guerreiro tão vistoso
Tão temido e poderoso
Era dela, prisioneiro
Acontece que a donzela
- e isso era segredo dela
Também tinha seus caprichos
E a deitar com homem tão nobre
Tão cheirando a brilho e a cobre
Preferia amar com os bichos
Ao ouvir tal heresia
A cidade em romaria
Foi beijar a sua mão
O prefeito de joelhos
O bispo de olhos vermelhos
E o banqueiro com um milhão

Vai com ele, vai Geni
Vai com ele, vai Geni
Você pode nos salvar
Você vai nos redimir
Você dá pra qualquer um
Bendita Geni

Foram tantos os pedidos
Tão sinceros, tão sentidos
Que ela dominou seu asco
Nessa noite lancinante
Entregou-se a tal amante
Como quem dá-se ao carrasco
Ele fez tanta sujeira
Lambuzou-se a noite inteira
Até ficar saciado
E nem bem amanhecia
Partiu numa nuvem fria
Com seu zepelim prateado
Num suspiro aliviado
Ela se virou de lado
E tentou até sorrir
Mas logo raiou o dia
E a cidade em cantoria
Não deixou ela dormir

Joga pedra na Geni
Joga bosta na Geni
Ela é feita pra apanhar
Ela é boa de cuspir
Ela dá pra qualquer um
Maldita Geni

Composição: Chico Buarque

DIÁRIO POÉTICO DE UM ANDARILHO

05 outubro 2008

SANTOS!!! SANTOS!!! FOI???

CLASSIFICAÇÃO ATUAL

1 Palmeiras 53 pontos
2 Grêmio 53 pontos
3 Cruzeiro 49 pontos
4 Flamengo 49 pontos
5 São Paulo 49 pontos
6 Coritiba 44 pontos
7 Vitória 43 pontos
8 Goiás 43 pontos
9 Botafogo 43 pontos
10 Internacional 42 pontos
11 Sport 39 pontos
12 Atlético-MG 34 pontos

13 Santos 33 pontos

14 Figueirense 32 pontos
15 Náutico 30 pontos
16 Atlético-PR 28 pontos

17 Portuguesa 27 pontos
18 Ipatinga 27 pontos
19 Fluminense 27 pontos
20 Vasco 26 pontos



HINO NACIONAL BRASILEIRO - TERMINAM AS ELEIÇÕES

ELEIÇÕES

DIRETAS JÁ

DIRETAS JÁ

ELEIÇÕES

DIÁRIO POÉTICO DE UM ANDARILHO

ELEIÇÕES

ELEIÇÕES

ELEIÇÕES

ELEIÇÕES

ZÉ DO CAROÇO

HINO NACIONAL BRASILEIRO - COMEÇAM AS ELEIÇÕES

03 outubro 2008

UM MUNDO MELHOR

Todos nós podemos contribuir para melhorar o mundo em que vivemos. E uma das maneiras de se conseguir isso é aumentando a harmonia no tr^qansito. Para isso, é fundamental a boa convivência entre pedestres, ciclistas, motoristas e motociclistas. Junte-se a nós por uma maior harmonia nas ruas. Com a ajuda de todos, teremos um trânsito melhor. E, consequentemente, um mundo melhor.

O QUE CADA UM DE NÓS PODE FAZER?

- Respeite a sinalização e as regras de trânsito.
- Não revide provocações no trânsito. Mesmo estando certo, evite exaltar-se.
- Seja consciente: a concentração e os reflexos diminuem com o uso de álcool e drogas.
- Não enfrente o trânsito se tiver dormido mal ou não dormido.
- Não abuse da autoconfiança para não pôr a sua vida e a de outros em risco.
- Esteja sempre atento ao sentido das vias.
- Antes de atravessar qualquer cruzamento, diminua a velocidade e observe.
- Preste atenção não só ao que está à sua frente, mas também atrás.
- Respeite sempre o tráfego dos veículos maiores.

HINO NACIONAL BRASILEIRO - LEIA!!!

SAIBA DO ARNALDO

O CADERNO DO CHICO

A AQUARELA DO TOQUINHO

ESTIVE PENSANDO...

Quem é mais bondoso?

O que te dá R$ 10.000,00 tendo um milhão ou o que te dá R$ 10,00 tendo dez reais?

Quem é mais bondoso: quem te dá dez mil reais ou quem te dá dez reais?
Quem é mais bondoso: quem te dá um por cento ou quem te dá cem por cento?

Quais são os nossos valores?
Essa grana pode ser convertida em sentimentos?

Respostas para: jorgedesiqueira@gmail.com

VIAGEM NO TEMPO

ELEIÇÕES

Santa Bárbara d'Oeste se prepara para pleito de domingo

Cidade possui 123.499 eleitores e 305 seções de votação. As eleições municipais deste domingo, dia 5 de outubro, mobilizarão 123.499 eleitores que votam em Santa Bárbara d’Oeste, o que representa 67% da população estimada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), sendo 62.177 mulheres e 60.994 homens a partir dos 16 anos de idade, segundo dados do mês de junho deste ano obtidos pelo Superior Tribunal Eleitoral. Percentualmente, porém, o sexo masculino supera o feminino: 67,53% dos eleitores na cidade são homens, contra 66,14% de mulheres.

Concorrerão ao cargo de prefeito para a gestão 2009-2012 o atual chefe do Executivo, José Maria de Araújo Junior, o Zé Maria (PSDB), que tem como candidato à vice Braz dos Santos Adegas Junior, também do PSDB, pela coligação “Nossa Cidade em Boas Mãos”, e Mário Celso Heins (PDT), da coligação “Santa Bárbara Merece Mais”, ao lado candidato à vice Luis Vanderlei Larguesa (PT). Na disputa por uma das 12 cadeiras da Câmara Municipal, estão 197 candidatos a vereador.

ZÉ MARIA


MÁRIO HEINS

DIÁRIO POÉTICO DE UM ANDARILHO

TELESCÓPIO HUBBLE

ET

PLANETA AZUL

02 outubro 2008

GATINHO

ANTI-SOCIAL

Não vou a festas
Não me convide
Não perca seu tempo
Nem o meu...

Não gosto de gente!
Não sei conviver com gente.
Penso diferente de todo mundo
Não os entendo
Muito menos eles me entendem...

Bom é o meu cachorro...

“Quanto mais conheço as pessoas
Mais adoro meu cachorro...”

RAUL DISSE:

Que o mel é doce é coisa de que me nego afirmar, mas que parece doce, isso eu afirmo plenamente...

DE DIA, DE NOITE, DE DIA, DE NOITE, DE DIA, DE NOITE...





DIÁRIO POÉTICO DE UM ANDARILHO

OS DEZ MANDAMENTOS

ESTUDO DO TEXTO BÍBLICO

1. Eu sou YHWH, teu Deus [Elo.hím], que te fiz sair da terra do Egito, da casa dos escravos. Não terás outros deuses em desafio a Mim [o Deus de Abraão].

2. Não farás imagem esculpida [em hebraico péshel], referindo-se a ídolos, nem semelhança alguma do que há em cima nos ceús, nem embaixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não adora-las-á, nem prestar-lhes-á culto, por que eu, YHWH, teu Deus, sou Deus zeloso ["Deus que exige devoção exclusiva" ou "Deus ciumento"; em hebraico El qan.ná e em grego Theós zelotes], e que puno o erro dos pais nos filhos até sobre a terceira geração e sobre a quarta geração dos que me odeiam, mas que uso de benevolência para com até a milésima geração dos que me amam e que guardam os meus mandamentos.

3. Não tomarás o nome de YHWH, teu Deus, em vão [ou "dum modo fútil", blasfêmia], pois YHWH não considerá impune aquele que tomar seu nome em vão.

4. Lembra-te do dia do Sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás, e farás todo o teu trabalho; mas o sétimo dia é o Sábado [em hebraico, shab.báth] de YHWH, teu Deus. Nesse dia não farás trabalho algum, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o estrangeiro que está dentro das tuas portas. Porque em seis dias fez YHWH o céu e a terra, o mar e tudo o que neles há, e ao sétimo dia descansou; por isso YHWH abençoou o dia do Sábado, e o santificou.

5. Honra a teu pai e a tua mãe, a fim de que os teus dias se prolonguem sobre o solo que YHWH, teu Deus, te dá.

6. Não assassinarás [ou cometer homicídio, em hebraico lo tir cá.vit].

7. Não cometerás adultério [em hebraico lo tin.àf].

8. Não furtarás.

9. Não levantarás falso testemunho contra teu próximo.

10. Não cobiçarás [em hebraico, lo thahh.módh] a casa do teu próximo, nem a mulher do teu próximo, nem seu escravo, nem sua escrava, nem seu touro, nem seu jumento, nem qualquer coisa que pertença ao teu próximo..

SEGUNDO O CATECISMO CATÓLICO

1. Adorar a Deus e amá-lo sobre todas as coisas.
2. Não invocar o Seu santo nome em vão.
3. Guardar os domingos e festas.
4. Honrar pai e mãe (e os outros legítimos superiores).
5. Não matar (nem causar outro dano, no corpo ou na alma, a si mesmo ou ao próximo).
6. Não pecar contra a castidade (em palavras ou em obras).
7. Não furtar (nem injustamente reter ou danificar os bens do próximo).
8. Não levantar falsos testemunhos (nem de qualquer outro modo faltar à verdade ou difamar o próximo)
9. Não desejar a mulher do próximo.
10. Não cobiçar as coisas alheias.

ÊXTASE

Eu nem sonhava
Te amar desse jeito
Hoje nasceu novo sol
No meu peito...

Quero acordar
Te sentindo ao meu lado
Viver o êxtase de ser amado
Espero que a música
Que eu canto agora
Possa expressar
O meu súbito amor...

Com sua ajuda
Tranqüila e serena
Vou aprendendo
Que amar vale a pena...

Que essa amizade
É tão gratificante
Que esse diálogo
É muito importante...

Espero que a música
Que eu canto agora
Possa expressar
O meu súbito amor...

Eu nem sonhava
Te amar desse jeito...(5x)

Composição: Guilherme Arantes

01 outubro 2008

PONTO DE VISTA

Dizem que...

Silêncio é falta de som
Escuridão é falta de luz
Ódio é falta de amor
Tristeza é falta de alegria...

Às vezes...

Som é falta de silêncio
Luz é falta de escuro
Amor é falta de ódio
Alegria é falta de tristeza...

Mas...

Muito som é barulho
Muita luz é fim do mundo
Muito amor é adoração
Muita alegria é felicidade...

Quase sempre...

Pouco som é solidão
Pouca luz é solidão
Pouco amor é solidão
Pouca alegria é solidão...

Uma vida pode ser solidão
Mas, às vezes, não...

Autor: Jorge Leite de Siqueira

A LISTA DO OSWALDO

Faça uma lista de grandes amigos
Quem você mais via há dez anos atrás
Quantos você ainda vê todo dia
Quantos você já não encontra mais...
Faça uma lista dos sonhos que tinha
Quantos você desistiu de sonhar!
Quantos amores jurados pra sempre
Quantos você conseguiu preservar...
Onde você ainda se reconhece
Na foto passada ou no espelho de agora?
Hoje é do jeito que achou que seria
Quantos amigos você jogou fora?
Quantos mistérios que você sondava
Quantos você conseguiu entender?
Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém quer saber?
Quantas mentiras você condenava?
Quantas você teve que cometer?
Quantos defeitos sanados com o tempo
Eram o melhor que havia em você?
Quantas canções que você não cantava
Hoje assobia pra sobreviver?
Quantas pessoas que você amava
Hoje acredita que amam você?

Composição: Oswaldo Montenegro

DIÁRIO POÉTICO DE UM ANDARILHO

Dez mitos sobre dietas

Muitos mitos você com certeza já deve ter ouvido e talvez até possa acreditar, mas o fato é que não correspondem à realidade. Aqui vão ...