07 julho 2013

Férias – 2º dia – domingo – 07/07/2013


Resolvi que vou viajar daqui uma semana, mais ou menos. Talvez na outra segunda (amanhã não).


Hoje fui a Charqueada. Fica a 25 km de Piracicaba.

Eu não conhecia a cidade ainda, achava que seria mais bonita do que encontrei. Eu me decepcionei um pouco. É uma cidade comum, vamos dizer assim. Não tem nada “tão” bonito. Tem silêncio, paz. É uma cidade pequena, bem pequena. Acho que é isso que atrai muitas pessoas. 

É limpinha, bem cuidada, mas não encontrei prédios históricos, o que quer dizer que é uma cidade relativamente nova.Gosto de cidades históricas, com casas antigas, igrejas antigas. 

Achei que em Charqueada eu encontraria isso.

Resolvi ir lá, na verdade, para testar a moto, já que quero viajar para bem mais longe (Paraty), com mais dias na estrada. Por falar nisso não tive nenhum problema com a moto. Amanhã vou abastecer para ver o consumo, mas acho que está na base de 25 km/litro. Uma média baixa. Depois que troquei o carburador ficou assim.

Em Charqueada eu conheci Maria José, a Zeza, uma mulher cheia de histórias. Perguntei para ela o que eu podia encontrar em Charqueada. Ela me respondeu e aproveitou para conversar bastante. Contou muitas histórias que virarão crônicas, com certeza. Acho que ela não gosta muito da cidade. Ela me disse que em Charqueada não tinha muita coisa. Ela falou da praça da fonte, da igreja, do lago, da feirinha.

E lá fui eu conhecer as coisas que a Zeza disse...

Para ver todas as fotos de  Charqueada clique abaixo:


 
-----------
Objetivo: Perder 8 quilos.


Regime: São 20:40 h. Hoje comi 4 barras de cereal, um churrasquinho, uma coca-cola 600 ml, café com leite e duas fatias de pão integral (2 vezes, manhã e tarde, quase noite).

Saúde: Além de andar bastante em Charqueada, andei 3 voltas e corri mais 3 voltas no percurso do Limeirão (aproximadamente 6 km no total).











Nenhum comentário:

Dez mitos sobre dietas

Muitos mitos você com certeza já deve ter ouvido e talvez até possa acreditar, mas o fato é que não correspondem à realidade. Aqui vão ...